Rede Social: FACEBOOK TWITTER Instagram Instagram

Notícias | Voltar

Presidente da FAEA, Muni Lourenço participa do I Fórum Amazonas Livre de Febre Aftosa Sem Vacinação

Data: 29/07/2019 10:46

Na quarta-feira (24), o presidente da FAEA, Muni Lourenço, participou do I Fórum Amazonas Livre de Febre Aftosa Sem Vacinação. O evento foi realizado no Parque de Exposições Agropecuárias Jair de Menezes Tupinambá, em Autazes (a 113 quilômetros de Manaus), , durante a programação da Feira Agropecuária e Festival do Leite do município.

Promovido pela Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Estado do Amazonas (ADAF), que integra o Sistema Sepror, o fórum contou com o apoio de diversas entidades, entre elas a FAEA. O objetivo foi apresentar o Plano Estratégico 2017-2026 do Programa Nacional de Erradicação e Prevenção da Febre Aftosa (PNEFA), visando a suspensão da vacinação até 2021 no Amazonas, as principais mudanças para os pecuaristas e a situação do Amazonas neste cenário.

O plano prevê retirada da vacina contra febre aftosa no país até 2023 e visa criar e manter condições sustentáveis para garantir o status de país livre da febre aftosa e ampliar as zonas livres de febre aftosa sem vacinação, protegendo o patrimônio pecuário nacional e gerando o máximo de benefícios aos atores envolvidos e à sociedade brasileira, além de abertura de novos mercados para produtos de origem animal.

"O fórum marca um debate com a participação de todos interessados, sejamos nós do setor privado, pecuaristas, os órgãos de defesa agropecuária, a Adaf, o Mapa, as prefeituras municipais, os médicos veterinários. Todos traçando um planejamento para que o nosso Estado possa em 2021 obter esse status sanitário tão esperado e a retirada da vacina que vai trazer a valorização ainda maior da atividade pecuária e um custo menor", destacou o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Amazonas (Faea), Muni Lourenço.

Blocos

Para alcançar este objetivo, o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), dividiu o país em cinco blocos. No bloco I integram os Estados do Acre, Rondônia, Mato Grosso e parte da região sul e sudoeste do Amazonas. Os restantes dos municípios do Amazonas participam do bloco II, juntamente com Roraima, Amapá e Pará.

Os municípios de Apuí, Boca do Acre, Canutama, Eirunepé, Envira Guajará, Humaitá, Itamarati, Ipixuna, Lábrea, Manicoré, Pauini e parte de Tapauá na dívisa com o município de Humaitá foram incluídos no bloco I. Autazes foi incluído no bloco II.

Também participaram do evento, o diretor-presidente da Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Estado do Amazonas (Adaf), Alexandre Araújo; a gerente de defesa animal da Adaf, Graziele Domingues, a presidente do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário Florestal e Sustentável (Idam), Eda Oliva, o diretor de planejamento do Idam, Armando Jorge e a diretora do financeiro do Idam, Jacinta Coelho, a representante da Superintendência Federal da Agricultura no Amazonas (SFA-Am), Consuelo Lopes, o prefeito municipal de Autazes, Andreson Cavalcante, vereadores da câmara municipal e pecuaristas dos municípios de Autazes, Itacoatiara, Careiro da Várzea e Castanho.


ASCOM – FAEA/SENAR-AM/ FUNDEPEC-AM

Jornalista responsável: Juliana Geraldo

Contato: 3198-8414

comunicacao@faea.org.br

https://www.facebook.com/FAEA.AM




FAEA -Todos os Direitos Reservados - 2013
Rua José Paranaguá n- 435, Centro | Fone: (92) 3198-8400