Rede Social: FACEBOOK TWITTER Instagram Instagram

Notícias | Voltar

FAEA E FUNDEPEC/AM comemoram a plena erradicação da febre aftosa no Brasil em evento que reuniu representantes do setor primário e produtores rurais no Amazonas

Data: 16/04/2018 11:00

A FAEA e o FUNDEPEC/AM marcaram presença, no último dia 6, durante o evento que comemorou o ‘DIA A’ – Plena Erradicação da Febre Aftosa no Brasil. As comemorações ocorreram no País inteiro, e no Amazonas, o local escolhido foi a Fazenda Amazônia Ovinos, no bairro Tarumã, em Manaus.
A comemoração pelo ‘Dia A” – considerado histórico para o setor –, teve a participação de diversos representantes do segmento primário amazonense e de produtores rurais. Juntos, eles comemoraram a erradicação plena da febre aftosa no Brasil com reconhecimento internacional pela Organização Mundial de Sanidade Animal (OIE).
Para o presidente da FAEA e do conselho deliberativo do FUNDEPEC/AM, Muni Lourenço, o ‘Dia A’ chega em um momento muito positivo para dar visibilidade e promover a comemoração com todos os elos envolvidos na conquista.
“Servidores públicos da defesa agropecuária do Estado, da defesa agropecuária federal, do Ministério da Agricultura, médicos veterinários e principalmente os pecuaristas têm motivos para comemorar porque afinal de contas, são eles que vacinam o rebanho e que têm a pecuária como maior patrimônio”, comemorou.


Amazonas livre

Lourenço também relembrou a trajetória do Amazonas na conquista nacional do status de livre de febre aftosa com vacinação e em busca do reconhecimento internacional, em maio deste ano.
Segundo ele já é possível perceber desde que o Amazonas recebeu o status de livre de aftosa com vacinação – entre dezembro a abril – um aquecimento de procura de empreendedores para ampliação de propriedades rurais e para iniciar investimentos na atividade pecuária.
“Por exemplo em Boca do Acre, que hoje é dono do maior rebanho do Estado é possível fazer uma relação direta entre o reconhecimento do Estado como livre da doença e o crescimento qualitativo e quantitativo do rebanho. E isso deve acontecer com os outros municípios do Amazonas”, apostou.

FAEA -Todos os Direitos Reservados - 2013
Rua José Paranaguá n- 435, Centro | Fone: (92) 3198-8400